Navegador sem suporte a javascript JavaScript!

Subscrever newsletter

Concerto de Páscoa pelo DUO ARIOSO

Dia 3 de Abril, às 21.00 horas

Composto por dois excelentes solistas desde 1993, o DUO ARIOSO, de origem grega, apresenta-se no Ateneu no próximo dia 3 de Abril, pelas 21h.00. Neste recital terão a companhia da pianista Ingrid Sotolarova. Um «Concerto de Páscoa» a não perder por todos os amantes da música clássica.

Valor das entradas: 5 Euros para o público em geral e 3 Euros para estudantes.

O Duo Arioso é composto por Sophia Mavrogenidou (flauta) e Aris Chatzistavrou (guitarra). A acompanhar, no piano, estará Ingrid Sotolarova.

 

PROGRAMA

H.Villa-Lobos – Bachiana brazileira no 5 ( Aria )

J.S.Bach – Jesu bleibet meine Freude (BWV 147)

F.Kleynjans – Aria no 1

J.S.Bach – Sonata g minor (BWV 1020 )

J.S.Bach – Siciliana ( BWV 1031 )

A.Piazzolla – Ave Maria

A.Chatzistavrou – Birds

W.A.Mozart – Andante C dur

A.Piazzolla – Lamento, Extasis

D.Pujol – Pompeya – Palermo

J.Sibelius – Etude op. 76 no. 2

N.Tatsis – Petite suite

J.Pachelbel – Canon D major

O Duo Arioso foi fundado em ano 1993.

Está a realizar recitais e master-classes, além da Grécia, na Alemanha, Itália, Finlândia, República Checa, Portugal, Espanha, Chipre, Egipto, etc.

Colaboram com vários importantes conjuntos musicais  – orquestras de câmara ,quartetos e outros. Também com destacados artistas e compositores na Grécia e outros países, os quais enriquecem as suas performances com diferentes culturas (Milos Stedron, Alfio Antico, Sylvio Gualda, Dona Quartet) e outros.. Em 2014 editaram o seu CD “Invisible borders”.

O repertório do Duo Arioso contém a música de vários países: europeia, mediterrânea, latino-americana e grega.

Tanto interpretam composições originais pelo duo flauta – guitarra, como obras compostas e dedicadas ao Duo ou ainda obras da sua autoria e várias transcrições.

Originário da terra que desde sempre foi influenciada pelas várias culturas, o Duo Arioso está a fusionar o estilo barroco com a música contemporânea e popular.

Confraria Gastronómica apresenta «À Mesa com Júlio Dinis»

Dia 4 de Abril, às 17.30 horas

«À Mesa com JÚLIO DINIS» vai ser apresentado no Ateneu, no próximo dia 4 de Abril, pelas 17.30 horas. Sob coordenação de Ricardo M. Nunes e as colaborações de Carmen Matos Abreu, José A. Maia Marques, Luís Lavrador e Paulo Sá Machado, Silvia Faria (Design) e Sofia Rocha (Ilustração), esta obra é uma iniciativa da Confraria Gastronómica do Concelho de Ovar (da qual Júlio Dinis é patrono) e vai já na sua segunda edição.

«É um livro que é para ser servido à mesa, e ser saboreado lentamente.», refere a nota de imprensa da sua divulgação, que acrescenta: «Não poderia ser de outra forma quando o livro presta homenagem ao autor Romântico que foi o romancista Júlio Dinis, que fazemos recorrendo aos apontamentos gastronómicos com que polvi­lhou a sua obra, e em particular a sua obra maior “As Pupilas do Senhor Reitor”, que o escritor escre­veu em Ovar, numa das suas estadias pela então Vila, e aí colheu os ambientes e os tipos que deram vida aos cenários e ás personagens da sua obra.

É um livro escrito a várias mãos, mãos avisadas e que nos escrevem sobre história da alimentação, gastronomia, literatura e arte. É uma obra singela mas que pretende marcar um momento de ho­menagem a Júlio Dinis e a sua ligação umbilical a Ovar, na ocasião dos 175 anos do seu nascimento, bem como ser mote para expressões locais de tu­rismo gastronómico, cultural e literário.

A obra mescla história, literatura, arte e gastrono­mia, tendo por base o levantamento de diversas re­ferências gastronómicas presentes na obra de Júlio Dinis - “As Pupilas do Senhor Reitor”, e que resul­taram ainda na reinterpretação de quinze receitas, que se encontram no livro e que pretendem pro­longar esta homenagem a todos os sentidos, pois só a gastronomia tem o dom de envolver todos os nossos sentidos numa só tigela, num só prato, numa só garfada, por mais simples e singela que seja a iguaria que se deguste.»

A entrada é livre.



Uma Ronda pelas «Poesias de Abril»

Dia 4, pelas 17 horas

A próxima Ronda da Poesia do Ateneu Comercial do Porto é dedicada, naturalmente, a ABRIL. No dia 4, pelas 17 horas, diversos convidados vão dizer «Poesia de Abril», evocando uma efeméride tão querida dos portugueses. O tema é aliciante, os declamadores de grande qualidade. Mais uma oportunidade para passar uma tarde agradável na nossa companhia.

 A entrada é livre.



TANGO e PAIXÃO de regresso ao Ateneu

Festival Internacional do Porto em Abril

TANGO – ESSA PAIXÃO. Está no warmup mais uma edição do Festival Internacional de Tango do Porto. A décima. Onde? No Ateneu, pois claro! Nos dias 15, 16, 17, 18 e 19 de Abril e, como habitualmente, com a organização a cargo da Escola Lição de Tango de Alexandra Baldaque e Fernando Jorge. Milongas, workshops e também algumas iniciativas a invadir a área mais cultural propriamente dita vão animar o Porto.

O elenco de convidados, uma vez mais, fabuloso: Maestros: Pancho Pey/ Lorena Ermocida;

 Lucila Cionci/ Joe Corbata;  Sebastian Achaval/ Roxana Suarez; Fernando Jorge/ Alexandra Baldaque. Orquestra: Tango Sonos e Ana Karina Rossi.

Informações pormenorizadas sobre aulas, workshops e milongas, junto da Organização.

Contactos: www.licaodetango.com/festival2015; info@licaodetango.com; +351 919612025 (Alexandra Baldaque) e +351 936007883 (Fernando Jorge).



Mestre FERNANDO AROSO homenageado no Ateneu

Dia 18 de Março, com sessão solene e inauguração de exposição

FERNANDO AROSO, o Grande Mestre da Fotografia, vai ser homenageado no próximo dia 18 de Março de 2015, pelas 18h.00, numa organização conjunta do Círculo de Cultura Teatral / Teatro Experimental do Porto e do Ateneu Comercial do Porto, no nosso Salão Nobre.
Recentemente nomeado Sócio Honorário do CCT/TEP, receberá, nessa Sessão, o respectivo Diploma. Em seguida será inaugurada uma Exposição representativa da sua colaboração com o Teatro Experimental do Porto, entre 1956 e 1962. Nos anos em que António Pedro, com o TEP, fazia a grande revolução estética no Teatro Português, a única do século XX no nosso País, com a introdução da encenação moderna e o sentido de unidade das diferentes vertentes e artes do espectáculo, sob a direcção do encenador, Fernando Aroso acompanhava essa revolução com uma outra: a da fotografia de cena, projectando um novo olhar sobre a fixação do acto efémero que é o Teatro, antevendo a História. Pelo rigor milimétrico do seu acto de fotografar, em que toda a cena era preparada para a fixação, pela imagem, do momento certo do que de mais importante ocorria no espectáculo, hoje podemos entender melhor o que estava a ocorrer nesse processo de renovação do Teatro em Portugal, nesses idos de cinquenta do século passado. Fernando Aroso está com 93 anos.

Poderá visitar esta Exposição que permanecerá no Ateneu até 8 de Abril.

Brevemente daremos novos detalhes sobre este evento, abrindo a cortina para que possa desfrutar com o Ateneu de mais uma iniciativa a deixar marcas no panorama cultural do País, nomeadamente do Grande Porto.



«Só vivendo… ou Uagubanha» vai ser apresentado no Ateneu

Dia 17 de Abril, pelas 18h.30

Em mais uma iniciativa da «Chiado Editora», vai ser apresentado no Ateneu o livro "Só vivendo... ou Uagubanha", da autoria de Olívia Alves, no próximo dia 17 de Abril, pelas 18h30.

A entrada é livre.

Sinopse:

“Quando nasci raiava a primeira luz
Era a madrugada no seu esplendor.
Na baía as mansas velas deslizavam
Corria-me nas veias o primeiro amor:
Inhambane .
Terra minha perdida e encontrada
em cada esquina do Tempo
Era madrugada,
Quando nasci .”



«Sampaio Bruno e a Teoria da História»

Dia 18 de Abril, às 17 horas

Sampaio Bruno e a Teoria da História», por Joaquim Domingues,filósofo portuense, é a quarta das palestras integradas no «Ciclo de Tertúlias Bruninas» que decorre no Ateneu, desde Janeiro do corrente ano.

Esta sessão realiza-se no dia 18 de Abril, pelas 17 horas e tem, como habitualmente, entrada livre.
A próxima tertúlia brunina realiza-se no dia 30 de Maio.




Apresentação da obra «La Vita Plurale di Fernando Pessoa»

Dia 16 de Maio, às 16.30 horas

"La vita plurale di Fernando Pessoa", vai ser apresentado no Ateneu, no próximo dia 16 de Maio, pelas 16h.30, com apresentação de Paulo Samuel e José Almeida.

Esta obra, traduzida e comentada pelo Professor Brunello de Cusaatis, foi editada pela editora Bietti, no âmbito da colecção L'Archeometro, dirigida por Andrea Scarabelli, tendo sido lançada em Itália em finais de 2014.

Algumas notas biográficas

Ángel Crespo y Peres de Madrid (1926-1995) foi Professor de Literatura Comparada na Universidade de Porto Rico e ministrou cursos e conferências na América e na Europa. Tradutor de Pessoa, Dante e Petrarca para a língua espanhola, participou na fundação de várias revistas literárias e artísticas, dirigindo algumas delas como a «Deucalión», «Revista de Arte» e «Revista de Cultura Brasileña».

Prolixo ensaísta, com obras publicadas em Espanha e no estrangeiro, destacou-se sobretudo como poeta, sendo um dos maiores nomes da chamada “Geração de 50” da poesia espanhola, encontrando-se traduzido em catorze línguas.

Em 1985, como reconhecimento da sua enorme contribuição para a divulgação das culturas portuguesas e espanhola, e da cooperação e amizade entre os dois povos ibéricos, foi distinguido pelo Presidente da República Portuguesa com a prestigiosa condecoração da Ordem do Infante Dom Henrique.

Brunello Natale De Cusatis (1950) doutorou-se na Universidade de Perugia, onde foi Professor Titular e responsável das cátedras de Línguas e Literaturas Portuguesa e Brasileira. Actualmente, é Professor Jubilado na mesma Instituição.

Colabora, na qualidade de crítico literário, em várias revistas e jornais italianos e estrangeiros.

Para além de ter publicado numerosos artigos (de natureza crítico-literária, histórico-cultural, política e linguística) – em Itália, Portugal, Espanha, Brasil – e de ter apresentado e traduzido em italiano vários escritores e poetas, portugueses e brasileiros, é autor das monografias: O Portugal de Seiscentos na «Viagem de Pádua a Lisboa» de Domenico Laffi. Estudo Crítico, Editorial Presença, Lisboa 1998; Tra Italia e Portogallo. Studi storico-culturali e letterari, António Pellicani Editore, Roma 1999; Esoterismo, Mitogenia e Realismo Político em Fernando Pessoa, Caixotim Edições, Porto 2005; Fernando Pessoa. Economia & commercio. Impresa, monopolio, libertà, Edizioni dell’Urogallo, Perugia 2011.

A entrada é livre.



«CICLO DE TERTÚLIAS BRUNINAS» evoca Sampaio Bruno

De Janeiro a Novembro, no Ateneu, sempre ao sábado

Assinalando o Centenário da Exaltação de Sampaio Bruno (1915 – 2015), o Ateneu Comercial do Porto, em colaboração com a Revista Nova Águia e o Movimento Internacional Lusófono, vai promover, nas suas instalações, o CICLO DE TERTÚLIAS BRUNINAS, mensalmente, de Janeiro a Novembro, com excepção dos meses de Julho e Agosto. Sempre ao sábado, pelas 17 horas, este ciclo vai ter, como oradores e palestrantes, alguns nomes de referência da nossa cultura.

Paulo Samuel, Pedro Sinde, Renato Epifânio e Carlos Aurélio, entre outros, vão marcar encontro nesta homenagem ao escritor, ensaísta e filósofo portuense que foi figura cimeira do pensamento português do seu tempo.

O seu pensamento filosófico de Sampaio Bruno, de crescentes contornos místicos e esotéricos (revelados nomeadamente na obra O Encoberto, de 1904) e em afastamento progressivo do racionalismo da juventude, conservaria porém sempre os traços deístas, anticlericais e progressistas que recebeu da forte componente voltaireana na sua formação. O pensamento de Sampaio Bruno influenciaria profundamente Fernando Pessoa, que ainda chegou a corresponder-se com o intelectual portuense, enviando-lhe em 1915 o primeiro número do Orfeu, pedindo-lhe uma opinião.

Fixe estas datas (31 de Janeiro, 28 de Fevereiro, 28 de Março, 18 de Abril, 30 de Maio, 27 de Junho, 26 de Setembro, 31 de Outubro e 28 de Novembro), e programa detalhado no Cartaz anexo. Brevemente daremos mais informações sobre este Ciclo de Tertúlias Bruninas.

Siga também toda a nossa actividade em  www.facebook.com/ateneudoporto.



O ATENEU CELEBRA ACORDOS COM PRESTADORES DE CUIDADOS DE SAÚDE

- Mais informações nos Serviços de Secretaria

No quadro do Plano Estratégico 2014/2019 que o ATENEU tem vindo a dinamizar, e pensando em todos os Associados, com destaque para os mais idosos, celebramos Acordos com entidades prestadoras de cuidados de SAÚDE, obtendo condições vantajosas de preço e serviço.

HOSPITAL DA TRINDADE

No centro da cidade do Porto, bem perto do Ateneu, com Metro, Autocarros e diversos Parques Automóveis à porta, o HOSPITAL DA TRINDADE é uma referência desde 1852, tendo um Acordo com o Ateneu desde 2007. Propriedade da Celestial Ordem Terceira da Santíssima Trindade, notável pelo apoio solidário que presta às populações carenciadas da cidade, dispõe de um prestigiado corpo clínico e de instalações modernas.

Concede 15% de desconto aos nossos Associados sobre as Tabelas para Internamento, Consultas de Especialidade no Ambulatório, Exames de Radiologia no C.I.T. (Centro de Imagiologia da Trindade) e Análises Clínicas no Laboratório da Ordem da Trindade. Estes benefícios são concedidos aos Associados, Conjugues e Filhos dependentes.

A lista de especialidades do HOSPITAL DA TRINDADE pode ser consultada em http://www.ordemtrindade.pt/especialidades. As marcações de consultas são efectuadas pelo 222075900.

HOSPITAL ESCOLA DA UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA

Em Gondomar, a Universidade Fernando Pessoa abriu recentemente um moderno Hospital Escolar. Esta unidade de saúde é uma referência a nível europeu pela tecnologia de que dispõe, pelo seu corpo clínico, ligado à Universidade e pela sua dimensão e abrangência. Com destaque para a Unidade de Longa Duração e Manutenção – Fundação Fernando Pessoa (ULDM-FFP), incluída na Rede Nacional dos Cuidados Continuados Integrados, dedicada ao apoio aos Seniores, seja através de internamento, de apoio ambulatório ou domiciliário.

O HE-UFP concede excepcionais condições aos Associados, Cônjuges ou equiparados, descendentes e ascendentes em 1º grau. Se é Associado do ATENEU peça a tabela de preços especial na Secretaria.

As diversas especialidades podem ser consultadas em http://he.ufp.pt/servicos-e-especialidades/. A marcação de consultas pode ser efectuada em http://he.ufp.pt/marcacao-de-consultas/ e a marcação de exames em http://he.ufp.pt/marcacao-de-exames/. O HE-UFP tem um serviço de atendimento permanente (24H) pelo número de telefone 222 455 455. Os Associados poderão identificar-se com o Cartão do Ateneu, ou pedirem a emissão gratuita do “Cartão Saúde D´Ouro” do HE-UFP directamente, ou através dos serviços de Secretaria do Ateneu.

INSTITUTOPTICO

É uma marca de referência no sector, com produtos e serviços que vão ao encontro das necessidades dos nossos Associados. Hoje conta com mais de 180 ópticas estrategicamente posicionadas em todo o país, das quais 6 no Distrito do Porto (http://www.institutoptico.pt/Rede.aspx?contentId=15), que garantem uma presença cada vez mais próxima dos consumidores.
O Institutoptico celebrou um Protocolo com o ATENEU em 2008, concedendo aos Associados e membros do agregado familiar (pais e filhos) dos nossos Associados, condições muito vantajosas (descontos de 20% em óculos graduados e 30% em exame visual completo, por exemplo, entre outras vantagens). Se pretender receber informações detalhadas peça por favor à secretaria do Ateneu pelos telefs.: 22 3395410/1 ou por correio electrónico geral@ateneucomercialporto.pt.


LUSÍADAS (1.ª Edição fac-simile)

Restam poucos exemplares

O Ateneu Comercial do Porto encomendou à Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva (FRESS) a produção de 500 exemplares fac-simile (numerados) da 1.ª Edição de “Os Lusíadas” de 1572, cujo original é propriedade do Ateneu.

Trata-se de uma obra literária - edição de luxo - de rara beleza, poema épico de inspiração clássica, constituído por dez cantos compostos por décimas em decassílabos heróicos. Vive de uma contradição esteticamente harmonizada entre a acção das divindades pagãs e a tutela do sentimento cristão e da expansão da fé, que anima um ardor de conquista e de possessão do mundo.

Esta Primeira edição de "Os Lusíadas", geralmente identificada por edição A, ou edição Ee, hoje conhecida por edição Princeps, faz parte do acervo bibliográfico do Ateneu.


A produção destes 500 exemplares vem sendo executada de forma faseada pela FRESS, atendendo ao processo manual de acabamentos, apenas restando cerca de 100 exemplares para comercialização.


Neste momento apenas estão disponíveis para entrega exemplares (numeração de 40 a 70) ao preço de 1.200,00 Euros com o cofret de luxo incluído. A este valor há que acrescentar o IVA à taxa de 23%.

Reserve já, geral@ateneucomercialporto.pt., ou preencha o Formulário Encomenda on-line nesta página.

Siga também toda a nossa actividade em

www.facebook.com/ateneudoporto.